A Minha Filosofia

Eu ficarei para sempre com o que disse Zoroastro, grande sábio persa do século VI a.C., que resumiu o que é estar no caminho correto em apenas uma singela frase:

"BONS PENSAMENTOS, BOAS PALAVRAS, E BOAS AÇÕES."

Quero fazer deste princípio o meu viver, incorporar em tudo o que sou a essência desta visão tão simples, para conseguir estar bem com o mundo e comigo mesmo antes de qualquer coisa.

viernes, 25 de junio de 2010

Rona & Bosem Tzarfati


 
Algo me diz que terei o que comemorar em breve, talvez. Sei que é um erro contar com a vitória antes do tempo, mas é melhor fazer assim que a hora chegar e não ter o que festejar, não é mesmo? Então já quero me alegrar e cantar!

Esta primeira é uma canção da Ishtar. Gosto muito da cantora, que é de Israel, apesar de quase sempre cantar em espanhol ou árabe. Espero que apreciem. Esta canção chama-se Rona. Rona é um nome feminino, hebraico. Originalmente, a canção era "Zahma", (de 1977) ("A Multidão") do Ahmed Adaweya (do Egipto), e fez muito sucesso na época (letra e comentários aqui, original aqui). Foi regravada por Samir Shukry (de Israel), e depois por Ishtar. A versão de Shoukry é lindíssima, e a letra está neste sítio, logo abaixo a da Ishtar também, que eu posto no presente post. Para cantar é só seguir a letra...


Vuelvo todos los días
  A aquel mismo lugar,
Hablo con las estrellas
Te quiero recordar.
Amor de mis amores
No es una ilusión,
Tu calma mis dolores,
Calmaré tu pasión.

Cuando te ví (Rona),
Cerca de mí (Rona),
Yo comprendí (Rona)!

Cuando te vi (Rona), 
Tu para mi (Rona), 
Yo para ti (Rona),
Para toda la vida...

 

Mahma aolo áywa,
Wala aolo la,
Kháyfa la hub yaghodni,
Usol aolo oh.
El hob lama géni,
Wu huwa fi d-hobi déyeb,
Wibil ahlam nedéni,
Ali kalam habéyeb.

Háolo áywa (Rona),
Háolo la (Rona),
Áye bahebo (Rona),
Háolo áywa (Rona),
Wálaghod hawá (Rona),
Áye bahebo (Rona),
Ana haolo oh...

Llegaste como el viento,
Como el viento te va,
  Y como pasa el tiempo,
Pienso que volverá.
  Mahma háolo áywa,
Wala háolo la,
Kháyfa la hub yaghodni,
Usol háolo oh.

Cuando te ví (Rona),
Cerca de mí (Rona),
Yo comprendí (Rona)!

Cuando te vi (Rona), 
Tu para mi (Rona), 
Yo para ti (Rona),
Para toda la vida...

  
Llega a amanecer,
Sueño con tu calor,
Una al atardecer,
Tuyo todo mi amor.
 Háolo áywa (Rona),
Háolo la (Rona),
Áye bahebo (Rona),
Háolo áywa (Rona),

Wálaghod hawá (Rona),
Áye bahebo (Rona),
Ana háolo oh...

Cuando te ví (Rona),
Cerca de mí (Rona),
Yo comprendí (Rona)!

Cuando te vi (Rona), 
Tu para mi (Rona), 
Yo para ti (Rona)...
  
Ana háolo oh...


 Háolo áywa (Rona),
Háolo la (Rona),
Áye bahebo (Rona),
Háolo áywa (Rona),

Wálaghod hawá (Rona),
Áye bahebo (Rona),
Ana háolo oh...

Esta segunda música é da Sharit Hadad. Quer dizer "Perfume francês", em hebraico ("França" eu sei que é "Tzarfat", têm muitos sefarditas com este sobrenome). Há algumas expressões que eu entendo, como por exemplo "sheli leolam" - "meu para sempre", ou "nashekoti" - "me beija". O resto, só na tradução mesmo.



4 comentarios:

Alma Mateos Taborda dijo...

Preciosas canciones, Hermosa la música y la letra. Gracias por compartirlas. Un abrazo.

Debor@h dijo...

Chaver sheli querido,

Vc está todo musical essa semana haha que bom! Beijos meus!

Daniel Savio dijo...

Mas não disse o motivo de comemoração...

Fique com Deus, menino Hakime.
Um abraço.

A Flor do Sul - Perah Hadarom dijo...

O motivo? Talvez eu tenha um namorado, em breve...